03_QUAL A SITUAÇÃO RELIGIOSA

Por ter sido colônia portuguesa desde o seu descobrimento em 1470 até a sua independência em 1975, o país permanece sob forte influência católica romana. Com igrejas espalhadas por todo país, a cultura religiosa é enraizada nas tradições do catolicismo, que por sinal, cede muito espaço para práticas sincréticas de religiões animistas locais. Falando em animismo, a prática é bem difundida por todo país e mesmo que discretamente, faz-se muito presente no cotidiano sãotomense através de crendices e comportamento. Feiticeiros e curandeiros estão espalhados por todo São Tomé.

Os primeiros registros dos cristãos evangélicos são imprecisos, pois muitos chegaram como escravos, mas as primeiras igrejas evangélicas oficialmente cadastradas no país chegaram nos meados do século XX. Mesmo com presença recente, hoje é possível encontrar aproximadamente 15 ou mais denominações no seio do país de menos de 200 mil habitantes.

Para completar esse quadro religioso, vemos a presença, ainda que discreta, do Islã no país. Com uma mesquita simples na capital, eles chegaram e, pouco a pouco, estão se acomodando. Donos de muitos pequenos negócios, os muçulmanos tem ajudado muitos sãotomenses através de empregos e contribuições sociais. Estão tomando o lugar de muitos pequenos comerciantes e já começaram a influenciar poderosamente a pobre e suscetível economia local. Sem dúvida, se a igreja não assumir o seu lugar, eles estarão, em breve, dominando muito mais do que o comércio.

Você também pode ajudar a igreja de São Tomé a levar o amor de Cristo!

Participe conosco com suas orações e generosidade e faça parte da Missão de Deus!

Contribua com o Projeto São Tomé! Clique aqui!

Write a comment:

*

Your email address will not be published.

© M3 - Missão Mundo Muçulmano
Topo
Redes Sociais: